MAPA (Monitorização Ambulatorial da Pressão Arterial)

MAPA (Monitorização Ambulatorial da Pressão Arterial)

O MAPA consiste na medição automática da tensão arterial durante um determinado período de tempo em intervalos de 15 a 20 minutos durante o dia e 30 a 60 minutos durante a noite, e que tem a vantagem de serem efetuadas durante a atividade normal do paciente, e enquanto dorme. As medidas são  armazenadas no aparelho que é colocado no paciente (geralmente á cintura) e que fica ligado a uma braçadeira que insufla automáticamente. Depois as medidas são analisadas num programa próprio existente num computador e que nos dá informações sobre as medidas diárias e nocturnas permitindo ter ideia dos valores e variação circadiana . Com este exame são afastadas as medidas do consultório que por vezes são alteradas pela ansiedade e que não traduzem a realidade da tensão arterial do paciente (efeito de bata branca). Também permite avaliação do tratamento anti–hipertensivo, bem como de sintomas, principalmente os relacionados com tensão  arterial baixa.
Assim, o MAPA permite diagnósticos mais precisos e adequar os planos de tratamento.
O exame deve ser realizado num dia normal, embora se deva evitar a realização de exercício fisico.
Não poderá molhar o aparelho, pelo que não poderá tomar banho enquanto andar com o aparelho.
No momento da insuflação da braçadeira o paciente deve permanecer quieto, com o braço estendido ao longo do corpo até que a mesma seja totalmente desinsuflada.
Durante a noite poderá retirar o aparelho da cintura colocando-o ao lado do corpo, permanecendo ligado á braçadeira, devendo  evitar dormir sobre o braço em que está a braçadeira.
A braçadeira deve manter-se sempre acima da prega do cotovelo.
Durante o exame o paciente deverá preencher o diário referindo o horário da toma dos remédios e especificando quais são. Também deve especificar as atividades que realiza, o horário a que se deita e acorda, bem como qualquer sintoma, não esquecendo de anotar sempre a hora.

Efetuar Marcação